goppp

Informações e notícias sobre colaborações público-privadas

Ibovespa recua 0,51% na esteira do setor elétrico

leave a comment »

A Bovespa marcou o quarto pregão seguido de baixa ontem, pressionada novamente pelas ações do setor elétrico e por Petrobras. O Ibovespa recuou 0,51%, aos 57.064 pontos. A bolsa brasileira registrou um dos volumes mais baixos do ano, de apenas R$ 3,932 bilhões, reflexo do feriado do Dia do Veterano nos EUA.

As elétricas dominaram a ponta negativa do índice, com Cesp PNB (-6,52%), Transmissão Paulista PN (-5,44%), Copel PNB (-5,20%) e Light ON (-4,97%). Apesar de a Cesp ter conseguido sair de um prejuízo para lucro de R$ 149,6 milhões no terceiro trimestre, as notícias que acompanharam o balanço, divulgado na sexta-feira à noite, deixaram os investidores de todo o setor elétrico nervosos.

O diretor financeiro e de relações com investidores da Cesp, Vicente Okazaki, anunciou sua renúncia após 11 anos no cargo. Além disso, a Ernst & Young, auditoria responsável por analisar o balanço da empresa, decidiu não emitir opinião no terceiro trimestre por causa das incertezas quanto à Medida Provisória 579 e a não inclusão nos números da baixa contábil dos ativos que serão indenizados pelo governo referente às usinas cujas concessões vencem em 2015.

Um extenso relatório publicado pelo Santander também pesou sobre as ações. Os analistas do banco consideraram “piores que o esperado” os detalhes sobre as indenizações e os custos para operação e manutenção das usinas e transmissoras de energia divulgados pelo governo no dia 1º de novembro. O banco não vê racionalidade econômica que possa levar as companhias a aceitarem os termos propostos pelo governo para renovar as concessões.

Entre as ações mais negociadas, Petrobras PN perdeu 1,63%, a R$ 20,44; Vale PNA recuou 0,82%, a R$ 36,03; enquanto OGX ON subiu 1,03%, a R$ 4,90. O Bank of America Merrill Lynch (BofA) rebaixou Petrobras de “compra” para “neutra” e cortou o preço-alvo de R$ 29,00 por papel para R$ 22,50. Segundo o banco, há preocupações crescentes de que o atraso no reajuste dos combustíveis possa limitar os ganhos da empresa e reduzir a flexibilidade financeira e operacional nos próximos 12 meses.

“Como resultado, acreditamos que uma posição mais cautelosa é apropriada.” Os analistas Frank McGann e Conrado Vegner ponderam que, apesar de verem um risco de queda dos papéis limitado, a possibilidade de valorização também é limitada até que esses aspectos se resolvam. “Uma das principais preocupações é que, mesmo que um ajuste de preços seja concedido hoje, a Petrobras poderia ter limitada flexibilidade financeira após a recente deterioração do seu balanço.”

Na ponta positiva do Ibovespa ficaram TIM PN (2,85%), Souza Cruz ON (2,81%) e Ultrapar ON (1,94%). As ações da TIM reagiram às conclusões de duas consultorias contratadas pela operadora sobre os problemas que levaram ao alto nível de queda nas ligações em celulares da sua base de clientes. De acordo com a TIM, os relatórios da Ericsson e da PricewaterhouseCoopers apontaram que a taxa de queda de ligações da empresa em 8 de março ficou entre 2,09% e 2,04%, respectivamente. A Anatel havia identificado uma taxa de queda de 24%. (Colaboraram Claudia Schüffner e Daniele Madureira)

Por Téo Takar e Aline Cury Zampieri | De São Paulo

Origem: Valor Econômico

Procedência: http://www.valor.com.br/financas/2901450/ibovespa-recua-051-na-esteira-do-setor-eletrico#ixzz2C6OAkF9I

Written by goppp

13/11/2012 às 09:44

Publicado em Valor Econômico

Tagged with ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: