goppp

Informações e notícias sobre colaborações público-privadas

Viracopos terá 80 milhões de passageiros em 2038

leave a comment »

Mudanças no aeroporto começarão na próxima semana e envolvem investimentos de R$ 9,5 bi em 30 anos.

O aeroporto de Viracopos, em Campinas, começa na próxima semana mais uma fase de mudança para conseguir alcançar um movimento de 14 milhões de passageiros já em 2014 e chegar a  80 milhões em 2038.

O compromisso de ampliar a circulação de passageiros em Viracopos está acompanhado da previsão de torná-lo um aeroporto-cidade, com serviços, shopping center,  entro de convenções e rede hoteleira, além de toda a infraestrutura necessária para que mais companhias aéreas possam pousar e decolar em Campinas. A responsabilidade do projeto é do consórcio Aeroportos Brasil Viracopos, que no dia 14 assume as operações em parceria com a Infraero por um prazo de 90 dias.

A partir de 2013, o consórcio passa a ser integralmente  responsável pela administração do aeroporto. Formado pela Triunfo Participações, UTC Engenharia e pela companhia francesa Egis, especializada em transportes, preveem investir ao longo dos 30 anos de concessão R$ 9,5 bilhões no projeto. Parte deste valor vem de financiamento do BNDES. A concessionária venceu o leilão do aeroporto em 6 de fevereiro deste ano e no final  e agosto deu início ao primeiro ciclo de obras no local.

Na primeira fase das obras, o consórcio vai desembolsar cerca de R$ 2,06 bilhões para que seja erguido um novo terminal de  passageiros. A estrutura terá 28 pontes de embarque, sete posições de estacionamento de aviões e um edifício-garagem com 4 mil vagas para veículos. O diretor de Comunicação e Marca da  Azul Linhas Aéreas, Gianfranco Beting, acredita que as mudanças no terminal vão impulsionar ainda mais a aviação comercial a partir de Viracopos e, consequentemente, ajudará também a  Azul, que tem base em Campinas, a crescer para todo o país e para o exterior.

“Ficamos muito otimistas com as propostas da nova administradora, ainda que nunca tenhamos tido problemas  com a Infraero em sua administração. Percebemos que o consórcio vem ‘com a faca no dente’ para fazer coisas que antes eram proteladas. A coisa já está acontecendo e certamente os  investimentos programados vão dotar o aeroporto de uma capacidade que vai ser fundamental para que a Azul possa continuar crescendo no ritmo que pretende crescer e que a região já  demanda”, diz Beting.

O executivo afirma que a Azul tem projetos muito sólidos de construir um hub intercontinental que a região demanda. “Com a capilaridade que temos em todo o Brasil  amos conseguir aumentar o atendimento da nossa malha e lá para frente voar para o mundo”, prevê. ■

Érica Ribeiro | eribeiro@brasileconomico.com.br

Guarulhos fará gestão compartilhada

A partir de 15 de novembro, concessionária assume função ao lado da Infraero.

Com investimentos de R$ 6 bilhões durante 20 anos e metade deste valor a ser desembolsado até 2014, a Concessionária do Aeroporto Internacional de Guarulhos — resultado da  associação entre a Invepar e a ACSA—assume no dia 15 de novembro a gestão ainda compartilhada do terminal com a Infraero. Do total que será investido no aeroporto, R$ 1,2 bilhão são  recursos vindos de financiamento do BNDES.

O aeroporto de Guarulhos, que está no seu limite de capacidade para receber mais voos passageiros, passa por um grande processo de  mudanças  om a construção do novo Terminal 3 em andamento. A obra deve ficar pronta antes da abertura da Copa do Mundo de 2014 e terá capacidade para atender 12 milhões de pessoas por ano.

Segundo o diretor-presidente da concessionária, Antonio Miguel Marques, o projeto busca oferecer eficiência, facilidade e conforto para usuários e funcionários. Também faz parte do projeto a construção de um hotel com 50 quartos em uma área restrita para passageiros em conexão internacional.

Além disso, o aeroporto terá um novo edifício-garagem, com previsão e ficar pronto em março de 2013, além da reestruturação dos espaços de estacionamento já existentes. Com todas as obras de melhorias, o aeroporto de Guarulhos terá sua atual capacidade de vagas ampliada para 4,9 mil até o fim de 2012, um aumento de 20% em relação à oferta atual. Já em março de 2013, com o novo edifício-garagem funcionando, o aeroporto poderá receber em torno de 7,3 mil veículos. Em outubro, também teve início a reforma dos oito banheiros localizados nos Terminais 1 e 2, que deve ser finalizada até o fim do ano. As obras serão  eitas em etapas para não atrapalhar o atendimento aos passageiros.

O investimento da Concessionária do Aeroporto Internacional de Guarulhos até a Copa de 2014 no valor de R$ 3 bilhões também envolve melhorias com foco no conforto e segurança do usuário. Algumas poderão ser percebidas a partir do início da operação pela concessionária, previsto para novembro, e deverão ser entregues até março de 2013. ■

Érica Ribeiro | eribeiro@brasileconomico.com.br

Origem: Brasil Econômico

Procedência: Brasil Econômico

Written by goppp

07/11/2012 às 16:09

Publicado em Brasil Econômico, Empresas, Setor Aéreo

Tagged with

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: